R

Ricardo Fausto Becker

Rio de Janeiro (RJ)
18seguidores2seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

Advogado
Ex-advogado da Caixa Econômica Federal (aposentado). Pós graduado em Direito Processual Civil. Parceiro de escritórios de advocacia, em especial na formulação de recursos. Dedicado ao estudo do Direito Constitucional, tendo em vista sua capilaridade em todos os ramos do direito a partir da Constituição de 1988.

Principais áreas de atuação

Direito Processual Civil, 50%

É o conjunto de princípios e normas jurídicas que regem a solução de conflitos de interesses por ...

Direito Civil, 50%

É o principal ramo do direito privado. Trata-se do conjunto de normas (regras e princípios) que r...

Comentários

(1.168)
R
Ricardo Fausto Becker
Comentário · há 13 dias
Não tenho nenhuma afinidade com teses do deputado Jair Bolsonaro, pois não consigo admirar quem reverencia o coronel Brilhante Ustra, o qual, em seu livro, defendeu a tortura, algo a meu juízo indefensável. De toda sorte, penso que Bolsonaro é importante na política porque seu radicalismo, bem ou mal, dá uma sacudida na cabeça das pessoas e faz com que temas relevantes como a segurança pública sejam efetivamente debatidos, além de imprimir alguma correção de rumo a certos discursos “politicamente corretos”.

Penso também que a recente entrevista do candidato no Programa “Roda Viva”, ao contrário de desconstruir sua imagem, só fez promovê-la, porque os entrevistadores se traíram demonstrando absoluta falta de neutralidade, tão necessária ao bom jornalismo, cujo compromisso primeiro deveria ser com a expressão despojada das ideias do presidenciável. Transformaram, porém, a entrevista em debate, o que me pareceu um erro, pois o público não que saber o que pensam os entrevistadores e sim o candidato!

Fato é que, ao tentarem atacar o que Bolsonaro pensa e diz, conseguiram fazer com que parte considerável do público passasse a nutrir simpatia por ele, por perceber a intenção da banca de derrubá-lo. Ele, muito espertamente, aproveita-se desse fenômeno emocional para se esconder atrás do escudo da honestidade, prioritária para a opinião pública, malgrado não seja a única virtude a ser exigida de um político, máxime de um aspirante à presidência da República. Moral da história: se o programa prosseguir na toada de massacre a uns e proteção a outros, perderá toda a credibilidade de que tem desfrutado.

Recomendações

(131)

Perfis que segue

(2)
Carregando

Seguidores

(18)
Carregando

Tópicos de interesse

(6)
Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Rio de Janeiro (RJ)

Carregando

ANÚNCIO PATROCINADO

Ricardo Fausto Becker

Entrar em contato